Sindrome do Viajante: você sabe o que é?

Férias? É hora de redobrar os cuidados com a saúde e ficar atento, especialmente, à síndrome do viajante.Mas, você sabe o que é isso? A síndrome de viajante ocorre com pessoas que podem ter problemas de circulação durante viagens, principalmente se elas forem muito longas.Seja de carro, de avião, de ônibus ou de trem, quando uma pessoa fica por muitas horas sentada, na mesma posição, isso prejudica o retorno do sangue das pernas, comprometendo a circulação sanguínea.A consequência disso pode ser a formação de trombos, causando a Trombose Venosa Profunda.Causas da Síndrome do ViajanteEm viagens longas, de muitas horas, normalmente as pessoas ficam muito tempo sentadas, na mesma posição. A falta de movimentação acaba comprometendo a circulação, pois prejudica o retorno do sangue das pernas para o coração, fazendo com que tenha uma maior quantidade de sangue retida nas veias.Assim, podem ocorrer trombos (coágulos) nas veias das pernas. A trombose pode ser entendida como a coagulação...

Leia Mais

5 dicas para deixar sua casa mais segura para as crianças.

Quem tem bebês e crianças por perto já sabe como eles são curiosos e gostam de explorar tudo que encontram ao redor. Por isso, é muito importante saber como deixar a casa segura para crianças a fim de evitar acidentes domésticos que, infelizmente, são muito comuns.Com esses pequenos, todo cuidado é pouco, não é mesmo? Então, não basta apenas vigiá-los o tempo todo — se é que isso é possível. O ideal é tentar minimizar os riscos, adotando medidas de prevenção em cada um dos ambientes da casa.Pensando nisso, preparamos algumas dicas para ajudar você a deixar a casa muito mais segura para as crianças. Confira!1. Quarto e salaNos quartos e na sala, é melhor ter móveis com quinas arredondadas, ainda mais se as crianças estiverem na fase de aprender a andar. A televisão deve ser instalada fora do alcance dos pequenos, de preferência presa à parede, com toda a fiação oculta e tomadas protegidas — o mesmo vale para outros aparelhos eletrônicos.Cordões de cortinas e persianas podem causar...

Leia Mais

Janeiro branco: O mês para cuidarmos da saúde mental. Conheça essa campanha

Se o mês de outubro é rosa (combate ao câncer de mama) e o período de novembro é azul (combate ao câncer de próstata), janeiro é branco! Apesar de pouco falado, o primeiro mês do ano é dedicado à conscientização dos cuidados com a nossa saúde mental, quebrando tabus e mostrando a importância de estar em dia com o nosso cérebro. A campanha, criada por psicólogos brasileiros, também tem como objetivo abrir novas possibilidades para tratamentos nos aspectos emocionais e mentais da nossa vida! Entenda mais sobre o Janeiro Branco.Criada em 2014, em Minas Gerais, a campanha conta com a participação de diversos profissionais que colaboram participando de palestras, debates e vídeos informativos sobre a importância do Janeiro Branco. A conscientização já tem grande público em São Paulo, mais de 30 cidades de Minas Gerais e países como os Estados Unidos, Japão e Portugal. A psicóloga Gabriela Bandeira esclareceu algumas dúvidas e explicou um pouco mais sobre o projeto. Confira:- O que é o...

Leia Mais

Cuide da sua pele nas férias de verão

Férias!!! Viva, elas chegaram!! Agora é só curtir o verão, ficar na praia o dia todo e não se preocupar com nada, certo? Calma, não é bem por aí. Você precisa ter alguns cuidados especiais com detalhes da sua viagem, enquanto ela estiver rolando. Durante o verão nós estamos sujeitos a fatores que podem acabar com nossa alegria num piscar de olhos, e se você estiver curtindo destinos onde o sol é o astro rei e o foco da diversão, aí o cuidado tem que ser ainda maior. Aqui nós demos algumas dicas para cuidar da sua alimentação e hidratação, já falamos também sobre Cuidado com as doenças respiratórias de verão e agora, vamos focar nos cuidados com a sua pele, especialmente se você estiver viajando com crianças. Para isso a Dermatologista Danielle Aquino deu algumas orientações para manter a pele saudável na estação mais quente do ano e esclareceu algumas dúvidas sobre o uso de protetor solar. Confira!A estação mais quente do ano chegou e promete calor intenso em diversas regiões do país....

Leia Mais

Dezembro Laranja é dedicado à prevenção do câncer de pele

Para reforçar a ideia de cuidado e prevenção contra o câncer de pele na população brasileira, principalmente com a chegada do verão, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), desde 2014, promove a campanha “Dezembro Laranja”. O câncer da pele é o tipo da doença mais incidente no Brasil, com cerca de 180 mil novos casos ao ano. Porém, quando descoberto no início, tem mais de 90% de chances de cura.O câncer de pele é um tumor maligno, provocado pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. A melhor forma de reduzir o risco de desenvolver a doença, é reduzir a exposição solar e fazer uso de protetor solar diariamente.O profissional de saúde Erasmo Tokarski, que atua na área da Dermatologia, Estética e Cirúrgica há mais de 30 anos, explica que o efeito do Sol é cumulativo, por isso é de extrema importância respeitar os horários mais favoráveis para se expor ao sol.“A exposição excessiva e sem proteção a longo prazo é o principal fator de risco para...

Leia Mais

Dezembro Vermelho: Vamos falar sobre a AIDS

Em algum momento da sua vida (ou em vários) você já deve ter ouvido falar do HIV e da AIDS. Mesmo com tantos avanços na medicina e informações por todos os lados, ainda há muito estigma sobre a doença e, principalmente, em quem tem a doença. Descoberta no início dos anos 80 e até mesmo sendo erroneamente conhecida como ‘doença dos gays’, o HIV/AIDS ainda gera algumas dúvidas que precisam ser melhor esclarecidas para uma educação plena sobre não ter preconceito.Há grandes indícios de que o HIV seja originário dos primatas. Há também os relatos de práticas sexuais com esses animais logo no início do século XX. Este contato fez com que mercadores de animais e caçadores fossem uns dos primeiros infectados com um vírus fraco chamado de vírus da imunodeficiência símia (SIV), que seria rapidamente suprimido pelo organismo humano. Entretanto, a rápida transmissão desse vírus de pessoa para pessoa fez com que ele se desenvolvesse e virasse o HIV.O que o HIV?É o vírus da imunodeficiência humana...

Leia Mais

Saiba tudo sobre as Olheiras

Notou uma mancha escura ao redor dos olhos? Pois é melhor ler esta matéria antes de correr para a farmácia para comprar um creme clareador de olheiras. Isso porque existem muitas causas para esse fenômeno, e cada uma exige um tratamento diferente.Primeiro, há as olheiras amarronzadas, provocadas pelo excesso de melanina, o pigmento que dá cor à pele. Essas podem ser genéticas – certos povos, como os árabes e indianos, têm tendência a elas – ou facilitadas pelo excesso de sol e pela coceira. “A fricção favorece o depósito de melanina no local”, explica Tatiana Gabbi, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.Também é comum encontrar olheiras azuladas ou roxas. Essas têm origem nos finos vasinhos sanguíneos que irrigam a região. “Eles podem aumentar de tamanho por diversos motivos, tanto genéticos quanto factuais, e ficarem mais aparentes”, detalha Caio Lamunier, dermatologista do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo. Como a pele dali é muito fina e, logo,...

Leia Mais

Os perigos do movimento Antivacina

Recentemente o movimento antivacinação foi incluído pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em seu relatório sobre os dez maiores riscos à saúde global. De acordo com a Organização, os movimentos antivacina são tão perigosos quanto os vírus que aparecem nesta lista porque ameaçam reverter o progresso alcançado no combate a doenças evitáveis por vacinação, como o sarampo e a poliomielite. Ainda segundo a OMS, as razões pelas quais as pessoas escolhem não se vacinar são complexas, e incluem falta de confiança, complacência e dificuldades no acesso a elas. Há também os que alegam motivos religiosos para não se vacinar ou a seus filhos. “A vacinação é uma das formas mais eficientes, em termos de custo, para evitar doenças. Ela atualmente evita de 2 a 3 milhões de mortes por ano, e outro 1,5 milhão poderia ser evitado se a cobertura vacinal fosse melhorada no mundo”, afirma a OMS.Entretanto, os movimentos antivacina vêm crescendo no mundo todo, inclusive no Brasil, que sempre foi exemplo...

Leia Mais

150 items

Facebook

Twitter

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades.

Responsáveis Técnicos:
Dr. Emerson Aparecido Sobrinho - CRBM 5163
Dr. Erika Michele Moral - CRBM 16814

Desenvolvimento e Hospedagem

Laboratorio Biolab © 2020 - Todos os direitos reservados

Desenvolvimento e Hospedagem